APOIO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINAS

FIEC

ATENDIMENTO

Segunda a Sexta-feira

08h às 12h e das 14h às 18h

ENDEREÇO

Rua Joviniano Barbosa, nº 35, Vila Hollandia, Campinas/SP - CEP.: 13085-385

Associação Paraolímpica de Campinas – APC © 2019 – Todos os direitos reservados

  • Assessoria APC

Oito atletas da APC, incluindo convocados para o Parapan, disputam 2ª Fase Nacional no próximo fim d

Entidade vai para a competição com atletas beneficiados por projeto viabilizado pela Lei de Incentivo ao Esporte



Luã Mancera na linha de frente da prova na Fase Regional. Foto: Daniel Zappe/CPB/MPIX

A segunda fase nacional do Circuito Brasil Loterias Caixa de Atletismo será disputada no próximo final de semana, entre os dias 10 e 11 de agosto, no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo. Na oportunidade, a Associação Paraolímpica de Campinas (APC) estará representada por oito atletas na competição, todos beneficiários do projeto CTEPCR: Atletismo Fase I, viabilizado pela Lei de Incentivo ao Esporte.


Recentemente convocados para compor a maior delegação brasileira em Jogos Parapan-americanos, Davi Wilker, Jair Porfírio e Verônica Hipólito estarão na competição. Pensando em validar sua meta pessoal, Jair vai usar a competição como parte da preparação para o compromisso em Lima, no Peru. “Estou muito feliz e realizado por poder representar meu país nesse, que é o primeiro Parapan da minha carreira. Vou para a segunda etapa bastante motivado e ciente da importância desse trabalho para a sequência de competições”, comenta o atleta.


Alan Fonteles, Cleiton Lopes, Larissa Oliveira, Luã Mancera e Paulo Machado também estarão na competição e têm boas expectativas em suas provas. “Já estamos em um momento de reta final de temporada, e para muitos atletas, essa é a principal competição do ano. Estamos com uma equipe muito boa este ano, e alguns dos nossos atletas estão no topo dos rankings da sua categoria, como é o caso do Luã, recordista brasileiro nos 1500 e 5000, e que tem perspectiva de melhora nas duas provas”, comenta Sinval Oliveira, técnico da APC na modalidade.


O treinador salienta ainda os potenciais de medalha para Cleiton que, recentemente reclassificado para a T11, nesta etapa participa da prova dos 1500m: “Acredito que ele também vai chegar bem, baixando a marca atual e se colocando entre os primeiros do ranking da sua nova categoria, que é bastante forte”. Larissa, que durante a primeira etapa saltou 5,09m e passou a ser a nova recordista da prova, é outra atleta com boas chances na competição. “Ela tem ainda duas competições relevantes neste ano, para as quais estamos trabalhando com foco na conquista de um índice para o Mundial de Berlim”, conclui Sinval.


Todos os atletas que irão à São Paulo representar a entidade campineira, fazem parte do projeto Centro de Treinamento em Esportes Paralímpicos de Campinas e Região – CTEPCR: Atletismo Fase I, patrocinado pelas empresas 3M, Grupo Bauminas, Aviagen, Buckman, Matera, Stoller, Hospital Vera Cruz e Fundação Educar DPaschoal.


Organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), o Circuito Brasil Loterias Caixa é o evento nacional mais importante para as modalidades de atletismo, halterofilismo e natação. Composto por quatro fases regionais e duas nacionais, seu objetivo é desenvolver as práticas desportivas em todos os municípios e estados brasileiros, além de melhorar o nível técnico das modalidades.


O Projeto

Centro de Treinamento em Esportes Paralímpicos de Campinas e Região – CTEPCR: Atletismo Fase I é o primeiro projeto voltado para o atletismo de alto rendimento a ser executado pela APC, via Lei de Incentivo Federal. As ações prioritárias são a massificação da prática dos esportes paralímpicos e excelência esportiva de rendimento, objetivando o desenvolvimento e crescimento da prática dos esportes paralímpicos na RMC. Buscando dar maiores e melhores oportunidades aos atletas destaque de camadas sociais menos favorecidas, o projeto visa a formação de uma equipe com 12 atletas – em níveis regional, nacional e internacional, cujo trabalho e empenho almejam participação e representação como equipe do município nos Jogos Regionais e Jogos Abertos do Interior do estado de São Paulo, bem como em eventos esportivos dos calendários estadual e nacional. Para tanto, são oferecidos treinos diários no CEAR (Centro Esportivo de Alto Rendimento), localizado em Campinas, interior de São Paulo, garantindo atendimento de excelência no processo de aprendizagem, aperfeiçoamento e treinamento em esportes paralímpicos. Com duração de doze meses, CTEPCR: Atletismo Fase I recebe patrocínio de nove empresas.


Sobre a APC

A Associação Paraolímpica de Campinas (APC) é uma entidade não governamental e sem fins lucrativos com sede no município de Campinas que busca, através do fomento e desenvolvimento de atividades esportivas, contribuir para a formação global de pessoas com deficiência na perspectiva da inclusão social. Fundada em maio de 2007, a APC atua nas modalidades de natação e atletismo, congregando pessoas com diferentes graus e tipos de deficiência fundamentado em atendimentos direcionados, realizados por profissionais com vasta experiência no desenvolvimento de atividades voltadas para este segmento.